quinta-feira, 10 de março de 2011

Noivinho de látex

O noivo era de longe e a relação caminhava para o casório, o que amenizava o desconforto da distância. Numa loucurinha dessas que só casal apaixonado faz, algum tempo depois da webcam ele a presenteou com um consolo fabricado com esmero anatômico, nuances de textura e vilosidades. Obviamente comparou para garantir que não ultrapassasse suas próprias medidas, evitando causar curiosidades lascivas na noiva.

Os encontros virtuais pegaram fogo, óbvio. Ao ponto de causar estranhamento à família dela, com quem ainda compartilhava moradia — "essa menina não sai do quarto"; "ela está tossindo?". Já os encontros carnais, estes nunca deixaram de ser excelentes.

Estava tudo ótimo, até o dia que, ao perder um parente, ela teve uma iluminação. Vai que sofre um peripaque ou acidente, fica algum tempo no hospital e alguém da família, por necessidade, remexe suas coisas e encontra o "noivinho"? Pior, vai que morre e na hora de desmanchar suas posses alguém encontra o ditocujo. Macularia para sempre sua memória.

Não teve dúvidas e mandou o consolo pro lixo cuidadosamente embalado para não levantar suspeitas. No meio da noite, na lixeira da vizinha três casas acima.

:: 10.03.2011 ::

13 comentários:

Sentimental ♥ disse...

kkkkkkk
eu também já pensei nisso... mas aí né, deixa jogar o nome na lama, já está morta mesmo.

Vampira Dea disse...

Desperdício!depois de morto todo mundo é sem pecados

Maria disse...

se um dia eu morrer, e encontrarem meus arquivos, históricos, bilhetes, desenhos, brinquedinhos desta espécie eu não tenho mas coisas bem mais comprometedoras sim, bem, e daí, né? a inês aqui será morta mesmo. quem sobrar que administre a situação da melhor forma.

Dita Panul disse...

Fez a alegria de uma catadora de lixo que não é lixo,kkkkkkk.

Única e Exclusiva disse...

Penso como a Sentimental, já está morta mesmo[2].

Quiserem presentear um pra mim, eu aceito, apesar de não ter webcam, rs.

bjs ;********

Polly disse...

adorei "curiosidades lascivas"!

Anônimo disse...

Já pensei nisso, porque se mexerem em meus pertences são bem capazes de caírem mortos também. De pênis de silicone, dados de posições e outras coisinhas que acabei dando para a diarista usar com o amante.
Mas, isso é de menos. Pior são os segredos virtuais. Das escritas, passando pelas fotos e terminando nos vídeos. ótima história. Penélope.

LadySiri disse...

Olá, vim conhecer seu blog e adorei. Tornei-me sua fã.
Beijos

Ex-noivinha disse...

Conto muito bem retratado, mas com alguns esclarecimentos:
Bobeiras batem de vez em quando... Mas aí gente, JÁ ERA!
Na sequência de me desfazer do “ditocujo” o "Outro ditocujo” também se foi e, como dizia vovó, “Vão-se os anéis e ficam os dedos”... =P
Mas nada como o tempo e hoje ele é muito bem aproveitado com um ao vivo e em cores, e chega de webcam!

minicontosperversos disse...

Sentimental / Vampiradea / Maria / Ú&E - Coisas que uma forte formação católica não consegue assimilar

Dita - Por que não de UM catador de lixo?

Polly - Adorou, né? Deve ter as suas. Que tal contar aqui?

Penélope - Cadê o link das "as escritas, passando pelas fotos e terminando nos vídeos"?

LadySiri - Seja bem-vinda

Ex-noivinha - Pelo que entendemos, os anéis andam sendo muito bem aproveitados? É isso?

Ex-noivinha disse...

Não digo tanto os anéis, mas já os DEDOS... =P

Sr.Apêndice disse...

Juro que não consigo entender nem as pseudo-pudoradas... aeuhauiehiuaheae

Mas já ouvi do caso de uma menina que tentava se livrar das camisinhas usadas com o namorado, colocando-as na privada e puxando a descarga, para enfim aniquilar quaisquer provas de sua vida sexual, até mesmo do lixeiro. Um dia, a patente entupiu, a água subiu, e o chão do banheiro ficou coberto de camisinhas usadas. Ela jura até hoje para mãe que não sabe como aquilo poderia ter acontecido...

minicontosperversos disse...

Ex-noivinha - Autoamor também é válido

Sr. Apêndice - Os melhores comentários são esses que, por si só, comportam um miniconto