segunda-feira, 21 de novembro de 2011

São João da Cristina

Passe alguns dias em São João da Cristina e mude o sentido da palavra férias. Lá tem mais esterco que fruta, mais pinga que água, a pesca é em rio lamacento e as mulheres são peludas. O tio do Zé reservou pra gente o cômodo da casa onde criava codornas. Tirou de lá as gaiolas acho mais que pra evitar que a gente tumultuasse a criação.

Depois de muito ovinho e pinga, acabamos na zona. Na verdade, o único bar da cidade, frequentado até pelas paisanas. Era difícil diferenciar umas das outras, todas maquiadas em excesso. Pegamos a noite da pizza.
- Tem pizza de que sabor?
- De milho, de ervilha e a tropical.
- Do que é essa tropical?
- De milho e ervilha.
- Vê aí uma tropical e mais cerveja.

O violeiro e o sanfoneiro e começaram a tocar na raça, sem microfone. O povo se amontoou pra dançar no chão de terra batida. O barulho dos pés arrastando quase cobria a cantoria. O Zé foi até a mesa das bonitinhas — éramos de fora, estavam todas simpáticas com a gente — e perguntou se estavam comendo pizza de milho porque eram galinhas. Fizeram que não entenderam e toparam dançar. Rapidinho o Zé foi com a Cristina (não a do São João) lá pro fundo onde tinham uns quartinhos só com cortina na porta. Logo depois saiu correndo, eu acompanhei pra não aguentar bronca sozinho. Depois ele explicou:
- A luz tosca do bar disfarçou o que a poeira e o suor fazem nos pezinhos com sandália. Fica aquela gosminha preta entre os dedos. Na luz do quarto, quando vi aquilo, me deu ânsia de vômito. Daí não deu pra transar, muito menos pagar, né?

:: 02.04.2008 ::
da série Contos preferidos das antigas que publicamos de novo porque passaram despercebidos devido à baixa audiência da época

23 comentários:

minicontosperversos disse...

Na quinta a gente tinha prometido dois contos de mote sonhado. Mas a frase/constatação da cueca nos fez adiar o segundo para hoje. Está aí o que saiu de "São João da Cristina".

Noite retrasada sonhamos uma historinha completa, mas está mais para filme curta do que pra sonho. Não encontramos ainda o caminho de contar por aqui, porque tem um desfecho muito visual.

Pra falar a verdade, quase não publicamos hoje. Tem dia que as notícias superam qualquer esforço de ficção. Que história é essa do Ronaldo Fenômeno com as três travecas, hein?

Depois dizem que o louco sou eu.

Paola disse...

Nossa que lugar é esse?
Tempo das cavernas?
Mulher peluda ninguém merece!
Aff!
Bjo

minicontosperversos disse...

Bela... você precisa viajar mais para o sertão.

Pra quem interessar possa, honestos QUATRO MIL acessos hoje. E nossa consultoria sobre Google Analytics e Ad Sense continua em standby.

Alguém se habilita a ajudar bem sério?

minicontosperversos disse...

Sobre a sessão de fisioterapia com travestis:

SERÁ QUE AGORA A NIKE LANÇA UMA LINHA DE TÊNIS Nº 43 COR-DE-ROSA?

Anônimo disse...

Tu viu o stylo do motel?? hauahuahauahauahuahah
www.motelpapillon.com.br

+ Diária de 07:00 as 19:00 horas
+ Apartamentos pré-definidos
+ R$ 33,90

hahahahaahaa, miacabo.
Bjo,
Lo

gustavão com preguiça de logar disse...

Isso não dá nome de banda? Quarteto de rock:

Ronaldo e as Três Travecas

Poisongirl disse...

Esse Zé semeteem cada uma ...(em todosos sentidos)

iara disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

ai gustavão, só vc pra me fazer rir hj!

historinha boa! rs

e ronaldão e as três travecas acho super anos 80!
undreground, trash....

a tal da bia antony, namorada (ex,whatever..), já se manifestou?? rs

minicontosperversos disse...

Bia Antony? Nem sabia o nome. Deve estar mugindo com seus chifres.

Já imaginou o quanto ela, aquela Milena e a Cicarelli (cerca-rola) devem estar escovando os dentes numa hora destas? E dá-lhe banhos e banhos de Vagisil!! (sim, entramos no blog da Regina Duarte hoje: http://reginaeamigos.blogspot.com/)

Ah, Vagisil, grande concorrente do nosso CSI.

E dá-lhe fila delas e dos atuais namôs em laboratórios pra verificação, sabem de que, né?

iara disse...

gustavão,

a vantagem de ir ao salão de beleza toda semana é tb ficar sabendo nomes e fofocas..cheio de revista quem, caras, etc....e manicure nunca atende na hora, neam?


todo mundo se lavando e fazendo exame...mimijo

Flávia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
minicontosperversos disse...

Lo: mais do que "miacabo" é MACABRO

Poison: esse Zé... nem as codorninhas escapam

Iara: conta umas histórias da caras/contigo pra gente transformar em continhos

Flavinha: o mais engraçado é que depois de sonhar com o nome da cidade, descobrimos que tem um distrito em MG com esse nome... São João da Cristina EXISTE

p disse...

Sim.
Preciso de um homem que queira viajar...
hahahaha
Bjo

minicontosperversos disse...

Paola, a Estranha: Viajar praonde? Se depender das duas rodas...

FERNANDO disse...

"- Tem pizza de que sabor?
- De milho, de ervilha e a tropical.
- Do que é essa tropical?
- De milho e ervilha.
- Vê aí uma tropical e mais cerveja."

Ri muito! Muito mesmo!

Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

Abraços!

FERNANDO disse...

Ôpa, meu querido, sem dúvida meus comentários sempre estarão aqui. Gosto de ler contos, é o que mais gosto na blogosfera.

Só agora que percebi no teu perfil que és redator publicitário também. Bacana termos isso em comum.

Bom, vou lincar aqui e aproveite e faça o mesmo com a Coluna, ok?

Abraços!

minicontosperversos disse...

--------------------------

EM TEMPO: NÃO QUE A AUDIENCIA ESTEJA AQUELA COISA NESTES DIAS...

PERCEBAM OS AVATARES DO BLOGGER DA ÉPOCA. UM SHOW.

OS COMENTÁRIOS CONTEMPORÂNEOS COMEÇAM A PARTIR DA LINHA PONTILHADA ACIMA...

Patrícia disse...

Cada vez mais me convenço que para os homens, qualquer uma que tem uma rachadura no meio das pernas tá valendo!

Andréa Mota disse...

Menino me diverti horrores com o conto, com os avatares,e o Zé ainda com senso, coisa que ele foi perdendo com o tempo.Esse foi o primeiro dia do Fernandão aqui? Momento histórico.
Patricia tem um ditado sobre os homens que diz assim: Mijou pra trás e não foi sapo tô dentro.

Andréa Mota disse...

aaaaaaaaaaaaops sem querer publiquei com o perfil da boa moça rsrsr, já que tá aí deixa

minicontosperversos disse...

Como pode ter gente com tanto ódio no coração?

Recomendamos à "comentadeira louca" que cuide com isso, que tanto ódio assim gera frigidez.

eLi disse...

Andei distante daqui e quando chego vejo um Zé que não conhecia: podólatra!
Achei que ele tinha começado pela boca da guria e não pelos pés.
Mas fetiche é fetiche...

Abrax! Sempre bom dar uma passada aqui!

Gabriel "gago" Alencar disse...

caaaara, eu tenho essa noia com mina de pé bizarro tambem...