terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Scat (parte 2)

De volta ao ônibus, viagem longa pela frente, o Zé notou que o garotinho da poltrona ao lado engatou umas ânsias, então achou por bem não mexer mais no "problema". Na segunda parada, foi no banheiro do posto averiguar e viu, aterrorizado, o ceroto se materializando, além da impressão de que o cheiro não saía da mão ao lavar.

Nove horas na estrada, uma nódoa amarelada se materializando ao redor do zíper do jeans surradão, o Zé teve a sensação de que aquilo tudo estava virando requeijão, e que o cheiro atravessaria a calça inundando o ambiente do ônibus. No desespero, foi no banheirinho e começou a lavar o bilau naquela pia portátil mesmo.

Só que numa curva mais fechada a porta abriu e o Zé foi atirado fora do banheiro com o jubileu na mão, e se estatelou no colo de uma senhora gorda que começou a gritar. Testemunhas relataram que uma nuvem amarela empesteou o recinto.

Pra piorar o desastre, surgiu entre os passageiros um policial militar, que imediatamente enquadrou o rapaz: "atentado ao pudô, cavalheiro". Desconsolado, o Zé achou por bem nem tentar se explicar. Ficou dois dias na delegacia de Registro, até que um amigo advogado fosse até lá providenciar a liberação. Dois dias sem banho, diga-se de passagem. Há rumores de que o pinto do Zé caiu.

:: 15.01.2010 :: com colaboração do amigo Luiz "Macaco" Calmon

24 comentários:

minicontosperversos disse...

Olha, turminha, pra amenizar o clima, perto do FDS publicaremos uma das fotos excedentes do Concurso Fotográfico MCP. Aguardem ansiosamente!

Vampira Dea disse...

Nossa! O Zé não dá uma dentro mesmo. Essa mulher não era um rio e sim tava era podre por dentro.
Quanto as fotos excedentes olha só eu quero saber é que vc prometeu a dos cuecas, cadê?

Mari - é como quero ser chamada. disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
aii q dó, não precisava perde o pinto tbm.

Altavolt disse...

Realmente, com o Zé tudo pode acontecer, e as coisas sempre podem piorar um pouco mais, rsrs. Pena que a maioria não assume essas passagens vexatórias em suas vidas. Tê-las, todos têm. Muitas, até piores do que as aqui relatadas. Ser um Zé autêntico é ter a hombridade de contar tais histórias e rir muito delas! Abração!

Flavinha Mel disse...

Eu ainda aposto que o tal cheiro veio da curiosa e suspeita mistura de substâncias da cortina da "peguete" do Zé.

PS: Essa história me lembrou que eu tenho um amigo que é SUPER ZÉ, só que no caso dele, ao invés de levar um cheirinho "exótico" e "afrodisíaco" para casa, ele levou uns amiguinhos bem CHATOS!!

PS2: Como a Vampira, também aguardo os cuecas, viu?!

Carol disse...

1) quase fiquei com dó do Zé... mas, opa!, já passou... foi bem feito... rs;
2) nunca mais vou conseguir olhar para estas cortininhas de ônibus da mesma forma;
3) e nem pra um requeijão.

Acho até que os rumores procedem. Mas não 'literalmente' e sim por causa da gostosona que se apaixonou pelo ‘cheirinho’ especial do nosso amigo... só que, na hora H, ele fóin ↓

Flavinha Mel, valeu pelo apoio na teoria da cortina! ;)

minicontosperversos disse...

vampiradea - depois de seis horas em um ônibus, essa coisa de podridão pode ser bem relativa; imagina como era a coisa na idade média... enfim

não prometemos jamais publicar fotos de cuecas; iria de encontrio aos princípios mais fundamentais deste boteco

colocamos no ar, sim, para as leitoras, a possibilidade de elas abrirem o blog de fotos de cuecas

e mais nada

mari - tadinho né?

alta - o zé não ia perder a oportunidade de contar para os amigos que se deu bem com a balzaca, certo? (como cavalheiro, não mencionou o nome, claro!)

flavinha mel - quer dizer que seu amigo pegou daquele inseto anopluro, pediculídeo (Phthirius pubis), cosmopolita, que vive normalmente na região pubiana e eventualmente nas sobrancelhas, axilas e outras partes do corpo HUMANO?

sobre cuecas, respondemos ali em cima pra vampiradea; copia

carol - lembra daquele filme (do seu tempo) "9 e 1/2 semanas e meia de amor"? quer dizer que agora, com requeijão, não rolava?

quer dizer que na sua versão da parte dois ia aparecer uma gostosona com o sentido olfativo anulado e que se interessaria pelo zé?

e quanto ao tato? o que aconteceria na hora em que ela botasse a mão?

Carol disse...

1) Sim, você acertou, foi o ano em que nasci. Mas não pude assistir na época. Hoje, eu já penso fora deste contexto... e com coisas bem melhores do que requeijão.

2) Não. A gostosona ia se apaixonar justamente pelo 'cheirinho' peculiar dele. Tem louca pra tudo nesse mundo!

3) Não pense apenas no tato. Pelo cheiro, ela se sentiria atraída a provar... e ia adorar, acredite!

Cassiana disse...

nooooooooooooooooooooooossa!
hahahahahahahah
é isso aí carol!!!!

Carol disse...

Cassiana,
Ufa! Ainda bem que alguém me entende! [tu me entende, né?]
Gosto de colocar lenha na fogueira... o pessoal aqui anda muito comportadinho...

Sylvio de Alencar. disse...

Bem contado.
O que não mata engorda.
Abrçs.

Flavinha Mel disse...

Escrevo aqui sob forma de protesto! Cadê os cuecas??!! =(

Já que você não quer colocar fotos de qualquer "menino" neste botequim, porque não coloca uma sua e fim de papo? Nós JURAMOS que nunca mais o incomodaremos com este assunto. E, se você for ficar constrangido, também podemos prometer não fazer comentários na sua foto (ou pelo menos apenas fazer comentários bonzinhos).

OBS: Se você quiser, também podemos negociar.

minicontosperversos disse...

carol - pensa em que contexto especificamente? e que coisas melhores de requijão?

olha, realmente isso de atração chor aromas "scats" é novidade no cabedal MCP

ah, sim, a estética 80's do 9 e 1/2 é de agredir os olhos hoje em dia; só se salva a kim no auge da beleza

cassiana - confere então?

carol e cassiana - GET A ROOM!!

sylvio - seja bem-vindo! abraço

flavinha mel - ok! então vamos negociar: COMECE MANDANDO A SUA

Carol disse...

Não dá pra revelar tudo aqui, né? Mas vocês conseguem imaginar cores, texturas, densidades que podem apimentar ainda mais os ‘jogos’ de sedução, não conseguem?! Pois é...

Gosta tanto assim de requeijão? Jura que não sabe? tsc, tsc

Sempre achei que aqui fosse o lugar para novidades... onde tudo é possível... ou não?

Tem até mais coisa que salva. A base é boa. A partir dela, a imaginação se encarrega do resto.
(não me peça para desenhar...)

minicontosperversos disse...

Carol - desenha não; FOTOGRAFA

Cassiana disse...

foto, foto, fotoooooooooooooo

Vampira Dea disse...

Muito bem Flavinha, êeeeeeeee é isso aí, a sua Gustavão e ponto final.

minicontosperversos disse...

Cassiana - isso aí, aumenta o coro: fotos da carol e da flavinha mel

Vampiradea - mas tem foto nossa aqui, ali ba barra direita (perfil), no livro, no iogurte e no tuíter da banda (nesse link tem link pro iogurte tb http://twitter.com/ssr_band)...

minicontosperversos disse...

iogurte = iorgut = ... sacou?

Vampira Dea disse...

Saquei. Mas quem não sacou foi vc, quero fotos tipo MCP heheh

nin@ disse...

kakaka... necrosou o bilau do coitado!!! Eita, eita mesmo!!! É, desde sempre sabe-se qu a higiene cura inúmeras doenças, ou muito pertinentemente, evita perda de partes importantes...viu... quem não escova os dentes pode ficar banguela, hahaha

nin@ disse...

kakaka... necrosou o bilau do coitado!!! Eita, eita mesmo!!! É, desde sempre sabe-se qu a higiene cura inúmeras doenças, ou muito pertinentemente, evita perda de partes importantes...viu... quem não escova os dentes pode ficar banguela, hahaha

Confissões de Lolita disse...

Uma das melhores... rolei de rir... ô Zé, não valia pegar um outro ônibus pra poder tomar banho? ahuahauhauahauhau


comédia....

Fernando Ramos disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Puta que pariu! Muito bom esse! Muito!

Que nunca limpou na cortina que atire a primeira cueca. mas graças a Deus nunca dei o azar do Zé.

Agora, a cena do cara lavando o bilau naquelas piazinhas de banheiro de ônibus é impagável de hilária! Isso devia virar um curta!