domingo, 5 de julho de 2009

Vou dar para o primeiro que encontrar na rua

O pai da Nandinha era um repressor esclarecido (lembra do conceito "despota esclarecido"? é por aí), o pior tipo que existe. E pela impossibilidade de levar uma vida normal como suas colegas, ela soltava o verbo: dizia no colégio, pra quem quisesse ouvir, que no dia em que completasse 18 anos ia sair de casa e dar para o primeiro homem que encontrasse na rua.

A gurizada ficava elétrica e fazia planos de ficar de vigília na porta da casa dela de véspera. Porque Nanda, mesmo com seu jeito destrambelhado, era muito da gostosa.

Ela morava no centro, e no dia do aniversário de 18 anos, na hora em que saía de casa pro Terceirão, às sete da manhã, deu de cara com o Ademir Plá. O plano da Nandinha naufragou.

:: 11.06.09 ::

41 comentários:

minicontosperversos disse...

Não me perguntem o que o ripongão estava fazendo acordado tão cedo

Única e Exclusiva disse...

Porq será?! Rs...rs...rs...
Esperando o MCP que não era, rs.
Ele tava era certo, tem que garantir 'a' dele. Pena que a Nandinha não levou adiante. Deu pra atrás [sugestivo]!!

bjOs ú&e
PS.: Fê pra vc eu levo os caranguejos, sim. [Post trespassado]

AMARela Cavalcanti disse...

Lembrou-me do filme "Os Normais" que Vani, ao brigrar com o marido, também diz que vai dar para o primeiro que aparecer na rua.
Bem coisa de mulher revoltada essa frase, né?

Vampira Dea disse...

Poxa que azar...
Se eu fosse ela mesmo a minha revolta seria organizada. Ficaria de butuca esperando o maior gostozão passar.;

eLi disse...

Revolta organizada foi ótima!
E não está errada...

O Plá é aquele da barba e todo alternativo??
Não entendi o motivo do naufrágio (ahahah)...só porque ele é músico?
Vai ver foi ele que não quis assumir a missão, ante a garota!
Acho que viajei demais agora.

Inevitável mesmo não lembrar da Vani (apesar da diferença de personalidades das personagens em questão)

Abração!

Altavolt disse...

Gustavão, coitado do Ademir Plá, fez naufragar os planos da Nandinha! Não captei qual seria o defeito do cara. Se é so por ser ripongão seria até melhor pra ela, pois seria tida como mais rebelde ainda! Abraço!

maria disse...

Que bom que a Nandinha não fez promessa.

Fernando R. Silva disse...

Quem diabos é Ademir Plá? desses seres que vivem de luz, que são Pan-sexuais?

E tive o mesmo insight da Amarela. Vani embaixo do prédio com uma cartolina dizendo que daria pro primeiro que passasse é impagável! Aliás, Os Normais é bem a cara do MCP, certo? Vi o trailer do doi esses dias e será mais impagável ainda que o um!

Enfim, coo a Amarela disse ainda, realmente é coisa de mulher bem revoltada essa frase. Caso apeteça a algum de vocês, acesse http://twitter.com/ColunaFantasma/statuses/2421783960

Coisa típica de mulher revoltada. Mais que isso, louca. E não é ficção.

Fernando R. Silva disse...

Ah, Lila, dá pra trazer uns camarões no alho e óleo também? Mas tem que ser dos graúdos, viu? ;)

Fernando R. Silva disse...

Ah, Gustavão, eu só saquei a coisa do anãozinho depois que conversei com o Zeca. Até porque não havia percebido bem que era um anão. De qualquer forma, uma puta sacada, viu!

Sininho disse...

Parla mia gente!!!!

Mulher revoltada, sai de perto, eu que diga!!!!!

Aaaaa, querido, é que vc não viu o tamanho da pizza nesse lugar, aqui é tudo exageradamente GRAAANDE, rsrs!!!!!

Vou ter que criar um blog só das coisas que eu e minha amada prima estamos aprontando por aqui!!!

Nesse momento são 20:14 por aqui!!!

E gente, não pensem que Veneza é linda maravilhosa pq só tem um rio sujo e se vc quiser passear de barquinho pelo rio sujo é 20 euros por pessoa!!!! Um absurdo...(R$120,00).

Altaaaaa, passarei por sampa ainda na semana que vem!!!!

E estou morrendo de saudades do meu Gatão!!!!!

Kisses a todos

Sweet Toxicant disse...

O Ademir Plá era o quê? Horroroso demais? Sujo demais? Bêbado demais? Viado demais?

É, um pouco de seletividade não faz mal a ninguém né... rsrs

A Senhora disse...

Mais uma para fazer a pergunta: quem é o cara??

bjs

Carol disse...

E a gurizada? Como seria o final da história se eles tivessem feito a vigília?
E se a Nandinha desse de cara com o Zé, o plano dela teria funcionado?
Ah... curiosa que sou fui pesquisar sobre o Plá. Achei algumas fotos...

Ives Nelson disse...

Fico com pena do Ademir Plá, afinal de contas, ele foi o maior injustiçado da situação. Se era promessa, tinha que cumprir... se bem que esperar a honradez da palavra de uma recém-mulher-pós-adolescente seria pedir demais! É sempre aquela velha história "salvo sob a condição de..." hehehehehehe

Boa Gustavo!

PS.: De fato, quando li somente o título automaticamente me lembrei da doida da Vani segurando um cartaz com os mesmos dizeres!

nin@ disse...

É, essa história de vou dar pro primeiro q encontrar, é comum acontecer com toda mulher, em alguma fase da vida, mas o que ninguém entende, que "Esse primeiro q aparecer", tem de fazer o tipo da rebelde em questão: ser gostoso, carismático, bom papo, cheiroso, entre outros atributos q prefiro não comentar, e, que ainda, apesar dela não comentar com ninguém, já está "estudando" o cara há um tempão...hahaha, só os garotinhos do terceirão mesmo pra acrediotar na mina, rsss.

Ademir Plá disse...

Hein?

Sininho disse...

Ademir Plá, o que eu conheço, cantor muito famoso do centro de Curitiba, tem até CD, rsrs!!!!

Sempre com seu violão, geralmente fica quase em frente ao Palácio Avenida.

Kisses

Penélope disse...

Aconteceu comigo,quando estudante revoltada com o namorado conquistador barato.Mas como a Nina disse.O primeiro que apareceu e dei,foi o gostosão da escola.Tudo programado que assim acontecesse.
Passando por acaso por aqui li essa postagem que me interessou.Gostei.
A charmosa.

Fernando R. Silva disse...

Cara, mudei de microcontos para nanocontos. Tava muito chupado do teu. Abraços!

Fernando R. Silva disse...

Não sei se adiantará muito, mas enfim.

Altavolt disse...

Valeu amigão! Livro devidamente encomendado. Agora é só aguardar a chegada e tb ter o prazer de disparar os comentários! Grande abraço!

minicontosperversos disse...

ú&e / alta / eLi / fernando / sweet tox / a senhora - o ademir plá é um personagem relacional de curitiba; um hippie que durou desde aquela época (anos 70)...

além da idade avançada na época (a nanda deve ter feito 18 pelos idos de 1987, veja...) o problema da nandinha é que, de saída, como muitos hippies, aparentemente, certos atos, digamos, higiênicos, nao são levador lá muiuto a sério; mas entendam, aparentemente

AMARera - e a vani, deu?

vampiradea - aí não vale né!!!!

eLi - esse mesmo, que canta "eu gosto de rock mas não sei falar inglês", ele nem deve ter percebido as pretensas intenções da moça

maria - fez não; se tivesse feito às vezes o zé podia ter passado ali

fernando - muito boa sua twittada: "Se descubro que me traiu, dou pro seu pai, pro seu irmão e pro seu melhor amigo!". O namoro acabou. Ele não devia, mas não quis arriscar.

e sobre a sacada, essas coisas são meio herméticas mesmo

carol - sempre agilizada né? se ela tivesse topado com o zé de vigília, aí daria outro MCP

ives - exatamente! botar fé na "honradez da palavra de uma recém-mulher-pós-adolescente" é acreditar demais na raça humana

nin@ - mas no caso, eram garotinhos da oitava do primeiro grau (por isso não chegaram a fazer vigília); anos passados, muitos poucos lembravam da história

tá certo que isso não ficou claro no MCP -- eles são herméticos assim, certo? falha nossa

ademir "piá" - nem vem com ameaça de processo hein?

sininho - isso mesmo! pesquisa bem feitinha

penélope - só não vale continuar incógnita assim

fernando - nem se preocupe com essas comparações; consideremo-nos, todos nós, parte de uma tendência

alta - logo chega aí, queridão

Jéssica, a antropofágica disse...

Cara, o tal Ademir era tão rum assim???
ashausa
Beijos...

nin@ disse...

ah, tá... mas a ciência diz q toda mulher escolhe sua presa, apesar de sempre dar a entender que foi a escolhida, entende? Da 8ª série ao clube da terceira idade...fala-se em instinto de presevação e melhoria das condições genéticas, mesmo q inconsciente por parte da fÊmea em questão. Científico, né? rsss
Bj

Penélope disse...

É charme...enigmática.Para ser desvendada em pequenas doses.

Vampira Dea disse...

Rsrsrsr eitha blog que pega fogo.
Ei Sininho? É vc mesmo? Quanto tempo.

Jean Rocha disse...

Ademir Plá???

Esse não deu tempo de conhecer quando estive aí em Curitiba hehehe... deve ser um daqueles personagens folclóricos, como o "Tibum" e o "Bazuca", que são lá da minha terra...

Muito bom voltar aqui e encontrar a mesma qualidade de sempre nos teus textos.

Grande abraço e parabéns pelo livro!!!!!

Sininho disse...

Oi Vamp sou eu mesma!!!!

Andava meio sumidinha sim, quase uma profissional de marketing, to correndo p/ caramba!!!!

Agora deu uma sossegada e aproveitei p/ fazer uma viagem, na verdade meu roteiro era p/ ser Rio - Sampa, mas bem na louca mesmo está sendo RIO - ITALY - SAMPA!! Peguei minha prima no Rio e viemos p/ cá!!!

Está quente aqui e os italianos conhecem brasileira de longe nesse lugar, só pelo jeito de se vestir, rsrsrsrs

Kisses!!!!!!

Charlotte disse...

o Plá?

o Plá mesmo?

Bah, na real ela perdeu a oportunidade... seria ao menos inesquecível... hahaha...

(ainda mais pelo cheirinho que devia deixar no corpo... hahaha)

saudades daqui!

besos!

p.s: continua avisando quando for tocar, um dia eu JURO que apareço!

Charlotte disse...

Estava contando o seguinte fato para uma amiga e me dei conta de que soou como uma das suas ótimas histórias que aparecem por aqui, resolvi melhorá-lo um bocadinho e deixar por aqui, hehe...

Beijos Gustavo!

Quatro e meia da matina toca o telefone. Eu tinha acabado de entrar em casa, descansava os pés de um salto alto que detesto usar e não acreditei, o telefone tocava e o pior, era ele! Protelei, sim, eu protelei... Eu ia dizer que estava dormindo, mas pensei melhor e resolvi dizer a verdade. Atendi. “Bom dia! (pensei: filho da puta, te esperei a noite inteira no maldito lugar que combinamos, com péssimas companhias, mas a música era legal e você não apareceu!) Que tal sua noite?” Acho que ele tava bêbado, não, definitivamente, ele estava bêbado: “Deeeesculpa, meus amigos não quiseram ir lá hoje. E vooocê sabe né, eu dependo de carooonaass...” Respirando fundo eu solto um: “Uhum...” E ele: “Tava dormindo?” Eu meio puta: “Não, acabei de chegar em casa.” “Vamos num costelão?” Costelão? Ele me liga às quatro e meia da madrugada e me convida para ir ao costelão? Não sabia se desligava na cara e mandava pastar, ou se colocava o sapato e entrava no carro e ia atrás dele. Então eu disse que melhor não, meio tarde já, eu tinha uma pilha de provas para corrigir no dia seguinte, meus pés latejavam de dor e meu corpo mesmo jovem já não agüentava tanto. Ele, bêbado exclamou um “aaaahhh!” que me desesperou mais ainda. E olha que ainda fui gentil, pedi desculpas e disse que podíamos nos encontrar quando o dia amanhecesse, ou faríamos algo durante a semana. Ele, óbvio, desligou na minha cara.

Fernando R. Silva disse...

Muito bom, hein, Charlotte!

Ele não tinha razão par atitude de desfecho do MCP. Será que lúcido estivesse ele ligaria?

Agora, se há uma coisa, e aí preciso ser The Devil's Lawyer, é que o "melhor não" mata a gente. porque quer dizer "Eu quero, mas não force a barra que será pior pra mim.". E gostar é também respeitar os limites, mesmo que pedidos para ultrapassar. Ou não?

Aliás, esse cara é um grande paspalho, isso, sim! :)

minicontosperversos disse...

e o confessionário psicótico-sensual do gustavão continua de portas abertas

maravilhosa contribuição, chalotte; ppor que não fez que nem a fernandinha, só de raiva?

quer que adicionemos um título "daqueles" e publiquemos como post?

Charlotte disse...

Fernando: Paspalho? Bota paspalho... mas ainda tem continuação a história, o moleque não podia deixar por isso mesmo...

hahaha...

não poderia fazer como a Fernandinha Gustavo, sabendo que o Plá ando solto por aí... hahaha...

Fique a vontade meu caro, o que cai aqui já é seu!

Beijos!

Ives Nelson disse...

Exatamente como eu havia pensado, Nandinha nasceu na década de oitenta e faz parte da geração do nada. Tolinha e ingênua só vai abrir as pernas para aquele com a qual se sentir namorada. Essas bobagens que pensam aqueles que nasceram nessa época. Como disse um amigo meu uma vez: não dá mesmo pra confiar em quem nasceu na década de 80.

Ademir Plá - 2 disse...

O papo é comigo?

Jairo Souza disse...

Me lembrou os normais [2]! Isso que dá fazer promessas q nem, sempre podemos cumprir! rsrs!

Altavolt disse...

O papo tá rendendo e acho que o Ademir Plá vai acabar reivindicando os seus direitos. Vai processar a Nandinha por danos morais e uso indevido de imagem. Custava ter dado pro cara naquela ocasião? Seria o extremo da rebeldia e do desajuste juvenil!

Sininho disse...

Mas eu acho que ao invés de falar: "Vou dar para o primeiro que encontrar na rua" deveria ser: "Vou dar para o primeiro que falar comigo no msn ou vou dar para o primeiro da minha lista de contatos do cel" Bem mais específico, rsrsrs

Vampira lembrei de vc, saiu o veredicto e daqui alguns meses estamos indo p/ Transilvânia!!!!!

Só que irá ser uma viagem meio complicada: Ctba-Rio-Paris-Bucareste (Romênia), ai vamos de busão até Transilvânia, a senhora viagem, rsrsrs

Se quiser ir junto está convidada!!!

Kisses

Vampira Dea disse...

Sininho traga uma lembrancinha pra mim rrrsss.

minicontosperversos disse...

jéssica - pelo que nos contaram, o problema, de cara, ja era olfativo; mas não podemos afirmar categoricamente

nin@ - vc disse tudo, não errou uma vírgula; mas o que invariavelmente manda "geneticamente ' hoje é a GRANA; e isso, também, se explica na teoria do macho alfa; cientificamente

penélope - ok, bela; deixa a moçada aíu desvendar

vampiradea - não dá corda não, pelamordedeus!!!!

jean - como é sua seara, musicalmente tem algumas coisas interessantes do cara; é só ir na feirinha do lar4go no domingo ou rodar o calçadão da rua XV que vc acha ele

charlotte - inesquecível em que sentido?

avisamos sobre as incursões da SSR sim; vai lá e adiciona o iogurte da banda: "ssr banda"; se vc confirmar que vai (mas vai MESMO) chamamos o plá pra dar uma canja

sobre a contribuição, fica ligada que logo entra no ar, mas como vc permitiu, vai ter uma bela pitada de MCP

fernando - antes de "paspalhar" o cara, será que não havia antecedentes? não conseguimos deixar de ser corporativistas

ives - não sei se bateu com sua teoria, mas a nandinha deve ter saído de casa numa manhã de 1987; mas sobre as bobagens das mocóilas, vc tá certo! "abre pra gente, pô!!!!!"

ademir plá - não, velhinho

jairo - e já levamos cada rodada por elas não cumprirem CERTAS promessas...

alta - ai, man; mas se o fato se tornasse notório ningu;ém nunca mais pegava a moça; vai que algum fofoqueiro estivesse ali de butuca

sininho - mas é saliente mesmol! antes da transilvânia conheça a transamazônica

vampiradea - não dá corda não, pelamordedeus!!!! [2]