sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Você passa por uma "oficina mecânica" instalada na rua e ouve coisas assim

- Quem cagou, puxou a descarga e arrebentou a cordinha?
- Eu sei quem anda fazendo cagada por aí...
- Eu não vou arrumar. Porra, pode cagar com força, mas a cordinha, puxa com jeito.
- O indivíduo que contaminou o banheiro por favor assume e vai lá arrumar.
- Que é viado já assumiu faz tempo, só falta assumir a cagada.

:: 20.08.2010 ::

7 comentários:

minicontosperversos disse...

Em Barra Velha, onde passávamos os verões nos idos anos 80, tinha um boteco chamado Buraquinho do Rodela. Pois o dono, um gordo bicha escrachado, escrevia TUDO errado de propósito no bar. E não é só. O bar era cheio de ciladas. No banheiro masculino, aquele cano que descia da caixa de descarga (alta) era todo furado. Então quando você puxava a cordinha, recebia um delicado e inesperado chuveirinho na cara.

Moska de Bar disse...

"Porra, pode cagar com força, mas a cordinha, puxa com jeito"

Sábio!

Única e Exclusiva disse...

Malandros esses mecânicos. kkkkk
To achando que os curitibanos são assim! [Alguns]¬¬'

bjos, ú&e =***

menina fê disse...

Faça com jeitinho! rsrsrs

Ana Wants Revenge disse...

hehe
;)
.
.
.

Ana Wants Revenge disse...

o comentário sobre o chuveirinho na cara também merecia um post. :P
beijooo
.
.
.

minicontosperversos disse...

Moska - são esses momentos líricos da existência humana que nos encantam

Ú&E - mas, bela, a situação está mais para o escatológico que para o sinuoso

Menina fê - é só dizer quando e onde

Ana Wants Revenge - que tal você preparar um continho sobre o assunto? logo tem semana da contribuição MCP...